Capa do Boletim 17 novembro 2019

"It is well with my soul" - Tudo bem com a minha alma (Sou Feliz com Jesus)

Nem sempre conhecemos a história dos compositores de belos hinos como este.
Horatio Gates Spafford compôs esse lindo hino ‘‘Sou Feliz’’ em um momento
extremamente difícil de sua vida.
Nascido na cidade de Chicago em 20 de outubro de 1828, era um bem sucedido
advogado e empresário do ramo imobiliário na década de 1860. Casado com Anna
Spafford, tinha 4 meninas e 1 menino.
Entretanto vários eventos transformaram por completo a vida de Spafford. O primeiro,
em 1870, foi a morte de seu filho, então com 4 anos de idade, que faleceu devido a
uma doença chamada escarlatina. Em outubro de 1871, os bens da família foram
quase todos destruídos no famoso e desastroso "Grande Incêndio de Chicago".
Em 1873, ainda se reerguendo financeiramente e atendendo sugestão médica,
Spafford resolveu viajar em férias com sua família para a Europa, querendo aproveitar
que seu amigo, o evangelista D. L. Moody, estaria pregando na Inglaterra no outono.
"It is well with my soul" - Tudo bem com a minha alma (Sou Feliz com Jesus)
Em novembro daquele ano, a Sra. Spafford tomou o navio francês "Ville du Havre"
juntamente com suas quatro filhas. O Sr. Spafford não pôde seguir no mesmo navio,
devido a compromissos de trabalho, mas havia combinado de encontra-las na
França. No entanto, no dia 22 de novembro de 1873, durante a noite, enquanto todos
os passageiros dormiam, o navio francês se chocou com o navio inglês Lochearm e
logo começou a afundar. Menos de trinta minutos depois da colisão o navio já havia
afundado. Duzentos e vinte e seis passageiros morreram. Foi o pior desastre na
história naval até o naufrágio do Titanic, 40 anos depois. A Sra. Spafford, porém, foi
milagrosamente poupada e salva. Ao chegar em Cardiff, no País de Gales ela enviou
um telegrama para seu marido com apenas duas palavras: "Saved alone", ou "Salva,
sozinha". Ao ler a mensagem, ele partiu imediatamente para a Inglaterra.
Durante a viagem, quando passava pelo lugar onde o naufrágio aconteceu, ele
escreveu as seguintes palavras (tradução literal): ‘‘Quando a paz, como um rio,
atravessa o meu caminho. / Quando tristezas como as ondas do mar me inundam. /
Seja o que for a minha porção, / Tu me ensinas que tudo está bem com a minha alma. /
Tudo está bem, tudo está bem com minha alma. / Ainda que Satanás me ataque, se
provações me vêm / Que eu deixe esta segurança controlar-me: / Cristo já considerou
a minha triste situação, /E derramou o Seu próprio sangue pela minha alma. / Para
mim, portanto, viver é Cristo daqui pra frente. /Se o Jordão acima de mim rolar,
/Nenhuma dor intensa provarei, / Pois na morte e na vida Tu hás de sussurrar paz para
a minha alma. /Senhor, é por Tua vinda que nós esperamos / O céu, e não o túmulo, é
o nosso alvo. / Ó trombeta do anjo, ó voz do Senhor, / Esperança e descanso
abençoados da minha alma!
https://ipuniao.blogspot.com/ (Adaptado)

Comentários