CAPA BOLETIM 10-11-2019 - SERVI AO SENHOR COM ALEGRIA

SERVI AO SENHOR COM ALEGRIA
Este belo verso se encontra no livro de Salmos 100, e nos diz: Servi ao
Senhor com alegria; e entrai diante dele com canto. (Vers.2)
Quando falamos em serviço, servos, senhor, rei, logo lembramos dos
poderosos reis citados na Bíblia. E, pelo que lemos, a apresentação dos servos
diante de um rei não acontecia de qualquer jeito. Entendo que existia todo um ritual
de organização para que os servos se apresentassem diante do seu rei.
Ao lermos sobre a visita da rainha de Sabá a Salomão, (2 Cr. 9:3-4) vemos
como a narrativa bíblica é cheia de detalhes sobre os servos de Salomão: ...‘‘o
assentar dos seus servos, o estar dos seus criados, e as vestes deles; e os seus
copeiros e as vestes deles’’... Tudo chamou a atenção da rainha por ser feito com
dedicação, amor, cuidado e perfeição... nos versos seguintes ela bendiz àqueles
que tinham prazer em servir o rei (Verso 7): ‘‘Bem-aventurados os teus homens, e
bem-aventurados estes teus servos, que estão diante de ti, e ouvem a tua
sabedoria’’.
Em determinado momento da história, Neemias, que servia como copeiro
do rei da Pérsia, Artaxerxes, compareceu diante dele com o semblante triste e
quando o rei o questionou porque estava triste, Neemias temeu sobremaneira...
(Neemias 2:1-2)
Observem a narrativa bíblica sobre a rainha Ester, quando foi cogitada
sobre a possibilidade de se apresentar diante do rei, sem ser chamada, para falar
em defesa de seu povo, os hebreus, ela fica assustada, pois... “Todos os servos do
rei, e o povo das províncias do rei, bem sabem que todo o homem ou mulher que
chegar ao pátio inferior, sem ser chamado, não há senão uma sentença, a de
morte...” (Ester 4:10-11)
Podemos então entender o perigo de apresentar-se diante do rei de
maneira inapropriada, sem ser chamado, ou ainda, com vestes ou ações não
condizentes àquele posto, pois estas atitudes poderiam levar esta pessoa à morte.
Mas nós não estamos servindo a um rei terreno. Não servimos um rei mal,
carrasco, que procura apenas satisfazer seu próprio ego. Nós servimos o Rei dos
reis e Senhor dos senhores. Um Rei que não deseja nos matar por causa dos
nossos erros, pelo contrário, este Rei nos amou ao ponto de entregar sua própria
vida para que pudéssemos viver e sermos salvos do juízo eterno.
Este Rei é Jesus e Ele merece toda honra, glória e louvor. Merece ser
exaltado, amado, adorado, obedecido. Este Rei quer que o sirvamos, não por
obrigação, nem medo, mas, por amor e com alegria, pois estar diante do Rei Jesus
é o maior e todos os privilégios.
Sandra Medeiros - Ministra de Música

Comentários