Boletim Capa - O CRISTÃO NA DEPENDÊNCIA DE DEUS

 O CRISTÃO NA DEPENDÊNCIA DE DEUS

A dependência de Deus, é uma das características essenciais na

vida cristã e talvez alguém até tente cultivar uma autonomia imaginária

por algum período, mas quando acorda em meio a uma catástrofe,

percebe o quanto é dependente de Deus e das outras pessoas. Em muitas

situações nota-se que muito cristão não está preparado para enfrentar as

adversidades da vida e viver na dependência de Deus, porque pensa que

os problemas acabam no dia que aceita a Jesus, e por isso, quando passa

pela tribulação não entende que precisa aprender a lição da dependência

de Deus para crescer espiritualmente. Imagine, se depender de Deus

fosse algo que imunizasse o cristão das lutas, dos problemas, das

enfermidades, das dores, das pandemias, das faltas de recursos e dos

sofrimentos; entretanto, as coisas não são bem assim.

Apesar dos incômodos da caminhada, as bênçãos decorrentes

do viver na dependência de Deus são infinitamente maiores. Devemos

permitir que em todas as ocasiões que Deus seja sempre o Senhor sobre

todas as circunstâncias, nas horas boas ou nas horas difíceis, devemos

declarar que Deus é soberano em nossas vidas. Obedecê-lo e honrá-lo

acrescentando confiança, fé, experiência e estabilidade, pois convém

não olhar para trás e sim olhar para cima, para O Autor e Consumador da

nossa fé e da fé Abraão.

O cristão, enquanto isto em meio a essa tempestade, deve

declarar o que se encontra em Gênesis 22:8 "O Senhor proverá". Fica em

destaque que em virtude da obediência de Abraão, foi Deus que

determinou o lugar para onde Abraão deveria caminhar. No momento que

era para Isaque ser sacrificado, na hora da dificuldade extrema, Abraão

também não poderia depender de outras pessoas. Sara, ficou em casa e

os dois servos que o haviam acompanhado permaneceram no

acampamento. Esta referência Bíblica de fé e de dependência em Deus

ensina o quanto o cristão deve ser grato a Deus pelos amigos e membros

da família que ajudam a carregar o nosso fardo, mas, há momentos na

vida que é necessário enfrentá-los sozinhos. Que O Deus todo poderoso

continue abençoando a todos com toda sorte de benção.

Pr. Wildes S. Rocha

Comentários